Respublica     Repertório Português de Ciência Política         Edição electrónica 2004

ANO:1806


SUMÁRIO:
Destaques Cronologia Acontecimentos Bibliografia Personalidades Livros do Ano Falecimentos e Nascimentos

I – DESTAQUES

PORTUGALMUNDO

Política

· D. João cede ao Bloqueio Continenental, mas não prende os britânicos.

· Inglaterra decreta o Bloqueio Marítimo à França (Maio)

· República Batava passa a Reino da Holanda (Junho)

· Surge a Confederação do Reno (Julho)

· Francisco II renuncia ao título de Imperador do Sacro Império Romano-germânico (Agosto)

· Vitória de Napoleão em Jena contra os prussianos (Outubro)

· Decretado o Bloqueio Continental. (Novembro)

Ideias

· Do desaparecimento do Primeiro Reich ao romantismo. Surge o chamado romantismo de Heidelberg, desencadeado a partir de 1806, que já se assume como uma forma de protesto contra as invasões napoleónicas, sendo fervorosamente nacionalista, embora ainda se proclame como democrático, com destaque para Arnim, Brentano e os irmãos Grimm

quando, no espaço alemão, ocorreu o fim da Idade Média, com o desaparecimento do milenar Sacro-Império, em 1806, começa a nostalgia da Idade Média, com um romantismo alemão, inspirado por Rousseau. Aliás, este último até foi o primeiro crítico moderno do projecto moderno fundamental (a conquista da natureza pelo homem tendo em vista a melhoria da condição do homem). o romantismo alemão, se parte do individualismo filosofista e analítico do racionalismo iluminista, se começa pelo intelecto, pela razão, pela cabeça, vai, depois, rebentar como explosão sentimental, marcada por uma eloquência de apostolado e oração, que emerge do coração, contrariando, deste modo, o chamado classicismo, considerado por Camus como o domínio sobre as paixões, mesmo as paixões colectivas, bem como a confiança nas palavras, utilizadas com prudência.

 

II – CRONOLOGIA

NACIONAL

INTERNACIONAL

· Portugal vê-se obrigado a ceder perante os dois Bloqueios decretados durante o ano, mas, no caso do Bloqueio Continental, não age em conformidade com as determinações da Fança napoleónica ao não afrontar os ingleses estacionados no país.

· Fevereiro Invasão do Reino de Nápoles pelas tropas napoleónicas.

· António de Araújo e Azevedo passou a acumular a pasta do Reino

· Março Concretização do Decreto de Dezembro de 1805, onde se previa a atribuição do Reino de Nápoles a José Bonaparte.

·

· 16 de Maio Os Ingleses decretam o Bloqueio Marítimo aos Franceses

·

· Junho República Batava passa a Reino da Holanda. Esta é atribuída a José Bonaparte, o segundo irmão de Napoleão.

 

· 12 de Julho Em 12 de Julho de 1806, pelo Tratado de Paris, surgia a Confederação do Reno (Rheinischer Bund), dissolvendo-se desta forma o Sacro Império Romano-Germânico. A ela aderiram, inicialmente, 16 príncipes alemães, sendo colocada sob protecção de Napoleão; em 1806, depois da derrota da Prússia e da entrada da Saxónia, conta com 36 Estados.

 

· 6 de Agosto Fim do antigo império alemão, quando o Imperador Francisco II renuncia ao título. Neste mês, forma-se o Reino da Vestefália (Wesfalen), com as regiões da Prússia situados na margem esquerda do Elba, territórios do Hanôver, o Brunsvique e o eleitorado de Hesse (Hessen); o Reino é entregue a Jerónimo Bonaparte.

 

· Outubro Tem início a Guerra da Quarta coligação, que se irá prolongar até Junho de 1807. A França, já imeperial, vai enfrentar uma aliança entre a Prússia e a Rússia.

14 A Prússia é derrotada em Jena, passando a mero satélite de França

 

· Novembro A França napoleónica conquista Varsóvia

21 é decretado o Bloqueio Continental.

 

· Ainda em 1806...

- Nova guerra entre russos e turcos (até 1812)

- Os eleitorados da Baviera e do Vurtemberga (Wurttemberg, ou Wirtenberg, na grafia anterior a 1806), como recompensa pela colaboração, transformam-se em reinos

 

III - ACONTECIMENTOS DO ANO

Governo de Pitt (1783-1801 e 1804-1806)

William Pitt the Younger (1759-1806) sobe ao poder em 1783, apenas com 24 anos. Ganha as eleições de 1784. Consolida o sistema parlamentar, institui a lei da responsabilidade ministerial. Adopta os princípios de Smith e institui um sistema livre-cambista. A partir da Revolução Francesa surgem os anos reaccionários.

 

IV – BIBLIOGRAFIA

AUTORES

OBRAS

Grundzuge des gegenweirtigen Zeitalters

CONSTANT

Principes de Politique applicables à tous les Gouvernements

FICHTE

Uber das Wesen des Gelehrten

FORTUNA, José Fernandes álvares

De jure naturae positiones dilucidirori stylo et ordine, Coimbra, Tipografia da Universidade, 1806, 2 tomos

ZACHARIAE

Die Wissenschaft der Gesetzgebung

V - PERSONALIDADES DO ANO

Canning, George (1770-1827) Duas vezes ministro dos negócios estrangeiros britânico (1807-09, 1822-27) e primeiro-ministro em 1827. Apoiou as independências sul-americanas, sendo o verdadeiro autor da chamada doutrina de Monroe. Membro do grupo tory, com Pitt desde 1796, assumiu-se sempre como um liberal. Em 1807-1809, ministro dos negócios estrangeiros. Responsável pelo envio de Wellesley para Portugal. Embaixador em lisboa em 1814-1815. Volta ao ministério dos negócios estrangeiros britânico em 1822. Amigo de Palmela. Em 1827, quando Jorge IV o nomeou primeiro-ministro, metade do gabinete, o chamado grupo ultra-tory pediu a demissão e ele teve de governar com o apoio dos whigs. Os seus apoiantes, depois da sua morte, irão integrar o grupo whig.

Karl Solomo Zachariae, autor de Die Wissenschaft der Gesetzgebung, Leipzig, 1806, e de Vierzig Bücher vom Staate, de 1839-1842, tenta aplicar ao Estado os critérios das ciências médicas, falando em fisiologia, patologia, terapêutica e dietética do Estado e considerando que o mesmo tanto é matéria inerte como espírito activo, algo que luta pela vida, pelo que toda a quietude estadual é sinal de morte.

 

VI - LIVROS DO ANO

 

VII - FALECIMENTOS E NASCIMENTOS

FALECIMENTOS

NASCIMENTOS

LAFõES, 2º Duque de (1719-1806) D. João Carlos de Bragança Sousa Ligne Tavares Mascarenhas e Silva LOLME, Jean Louis de (1740-1806)

VILA VERDE, 8º Conde de (1747-1806) D. Diogo José de Noronha.

áVILA, António José (1806-1881)

FRéDéRIC LE PLAY, Pierre-Guillaume- (1806-1883)

KIREIVSKY, Ivan (1806-1856)

MILL, John Stuart (1806-1873)

SAMPAIO, António Rodrigues (1806-1882)

STIRNER, Max pseudónimo de Johann Kaspar Schmidt (1806-1873)



 
© José Adelino Maltez
Todos os direitos reservados.
Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência:
Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info)
Última revisão em: 01-05-2009
© José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência: Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info). Última revisão em: 01-05-2009 © José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência: Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info). Última revisão em: 01-05-2009