Wagner, Adolf (1835-1917)

 

Um dos principais socialistas catedráticos. Professor na Universidade de Berlim. Procura conciliar a ideia de Lassalle sobre intervenção do Estado, com a ideia de List sobre economia nacional. Considera que o Estado deve ser um Estado Segurador, um segurador natural com a missão de justiça e da civilização através do imposto progressivo sobre o rendimento e a tributação das mais valias,consideradas equivalentes ao enriquecimento sem causa. Uma soziale Idee de Estado que tanto tem uma missão de justiça (rechtzweck des Staats) como uma missão de civilização (culturzweck des Staats), um Estado que devia assegurar a justiça na distribuição da riqueza, melhorar as condições de vida da classe operária e criar instituições de interesse público. A partir destes pressupostos dá forma à chamada lei da extensão crescente da actividade pública ou de Estado. Um crescimento tanto em extensão como intensivamente,tanto a nível do direito e do poder como da civilização e do bem-estar. Porque quanto mais a sociedade se civiliza ,mais o Estado é dispendioso. Nestes termos, considera que o Estado deve melhorar as condições de vida da classe operária e assegurar a justiça na distribuição da riqueza, criando instituições de interesse público.

 

·Allgemeine oder theoretische Volkswirtschaftslehre

1876-1877

 


© José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência: Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info). Última revisão em: