Pareto,Vilfredo Frederigo Damaso, Marquês de (1848-1923) 


Nasce em Paris, filho de um aristocrata italiano exilado e só reabilitado em 1858. Estuda em Turim, obtendo o título de engenheiro em 1870. Como engenheiro, exerce funções executivas nos caminhos de ferro italianos e numa sociedade metalúrgica. 
Tem uma intensa actividade política, assumindo-se como liberal e pacifista e chegando a candidatar-se a deputado, sem conseguir ser eleito. 
A partir de 1888 passa a consultor, desilude-se com a intervenção política e dedica-se à investigação. 
Contacta e entusiasma-se com as teses da economia pura de Léon Walras, com quem se relaciona a partir de 1891. Professor de economia em Lausanne, de 1893 a 1907, onde sucede ao mesmo Walras.

Continua as teses de Spencer e de Comte, defendendo uma teoria científica isenta de valores. 

Influenciado por Georges Sorel, principamente quando este em Rfléxions sur la Violence, considera que as elites burguesas estão corrompidas e decadentes.

Apoia o fascismo e em 23 de Março de 1923 chega a ser nomeado senador por Mussolini, mas logo critica as restrições à liberdade de opinião e o sistema de ensino universitário.

Esteve na base da teoria das elites. Considera que há homogeneidade na classe dirigente, que esta tem consciência de formar um grupo superior, é marcada por uma poderosa coesão e assume um sentido de conspiração, sabendo desenvolver adequadas estratégias para a defesa dos respectivos interesses.  

Bibliografia:

4Aron, Raymond, Les Étapes de la Pensée Sociologique, Paris, Éditions Gallimard, 1967, pp. 407 segs.. 4Denis, Henri, História do Pensamento Económico, trad. port., Livros Horizonte, 1973, pp. 550 e 626 ss..4Freund, Julien, Pareto. La Théorie de l'Equilibre, Paris, Librairie Seghers, 1974.4Bénoîst, Alain, Vu de Droite, trad. port. Nova Direita/Nova Cultura, Lisboa, Edições Afrodite-Fernando Ribeiro de Melo, pp. 288 segs..4Bessa, António Marques, Quem Governa? Uma Análise Histórico-Política do Tema da Elite, Lisboa, ISCSP, 1993, pp. 193 segs..4Busino, Giovanni, Introduction à une Histoire de la Sociologie de Pareto, Genebra, Éditions Droz, 1967.  
1896

Curso de Economia Política

 

(1ª ed. it., 1896 - 1897) (cfr. 1ª ed. fr., 1909).

1902

Les Systèmes Socialistes

 

1902-1903.

1906

Manuale di Economia Politica

 

1906. Cfr. Manuel d’Économie Politique, Genebra, Droz, 1981.

1916

Trattato di Sociologia Generale

 

1ª ed. it., 1916. Cfr. Traité de Sociologie Générale, in Oeuvres Complètes, 23 vols., Genebra, Éditions Droz, tomo XII, 1968)

1921

Transformazioni della Democrazia

 

(Milão, Corbaccio, 1921) (cfr. Oeuvres Complètes, cit., tomo XIII, 1970).

 

 

 

 


© José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência: Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info). Última revisão em: