Respublica     Repertório Português de Ciência Política         Edição electrónica 2004


1845

 

JANEIRO DE 1845

15

Oposições unificadas começam a editar o jornal Coalizão. Acusam o governo de tirania e fazem um apelo para a ida à s urnas.

 

MAIO DE 1845

 

José Bernardo no reino e na justiça

Em 3 de Maio de 1845: José Bernardo da Silva Cabral sucede ao irmão interinamente nas pastas do reino e dos negócios eclesiásticos e justiça (mantém-se na justiça até 20 de Maio de 1846)[1].

 

JULHO DE 1845

 

A. B. Costa Cabral regressa à pasta do reino

Em 24 de Julho de 1845: António Bernardo da Costa Cabral regressa à pasta do reino[2].

 

AGOSTO DE 1845

3

Eleições em 3 e 17 de Agosto de 1845. Apenas são eleitos seis deputados oposicionistas pelo Alentejo. Miguelistas aconselham a abstenção.



[1] Ver Memórias do Conde de Lavradio, III, p. 199. Costa Cabral tinha reumatismo nervoso e teve licença para se retirar para Tomar.

[2] Ver Memórias do Conde de Lavradio, III, p. 209

 


© José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência: Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info). Última revisão em: