Respublica     Repertório Português de Ciência Política         Edição electrónica 2004


1877

5

Governo de Ávila

De 5 de Março de 1877 a 29 de Janeiro de 1878 Governo de António José de Ávila, então presidente da Câmara dos Pares. Fontes pediu a demissão por estar doente. Na mesma situação encontrava-se o seu número dois, António Serpa. Fontes indicou Ávila a D. Luís.

 

 

Maioria de avilistas

O governo é constituído, na maioria, por avilistas, à excepção dos então independentes Barros e Cunha e Melo Gouveia. Ávila era presidente da Câmara dos Pares.

 

6

Não há oposição parlamentar

Na Câmara dos Deputados não tem oposição. Os regeneradores e os progressistas apenas competiam sobre quem mais estava disposto a apoiar o governo. Apenas se levantou o deputado independente visconde Moreira de Rei. Já na Câmara dos Pares, José Dias Ferreira assumiu uma atitude claramente oposicionista.

 

 

O prestígio do independente Barros e Cunha

Barros e Cunha tem, então, grande prestígio e logo toma medidas de austeridade, nomeadamente pela redução das gratificações.

 

 

Defesa científica das possessões ultramarina

Na área ultramarina, os ingleses Cameron e Young lançam uma campanha contra Portugal acusado de ser um país de negreiros. Como resposta, a Academia das Ciências encarrega Pinheiro Chagas de realizar uma série de conferências sobre os decobrimentos portugueses.

 

24

Recenseamento da população

Em 24 de Março, determinado o recenseamento geral da população. O primeiro será realizado em 31 de Dezembro de 1877.

 

 

Abril de 1877

2

Encerra o parlamento

18

Concedida à Companhia Real dos Caminhos de Ferros Portugueses a construção da Linha do Leste

 

 

 

Junho de 1877

29

Amnistia da pavorosa

Em 29 de Junho são amnistiados os implicados na pavorosa.

 

Agosto de 1877

24

D. Pedro II do Brasil em Lisboa

Em 24 de Agosto de 1877 chega a Lisboa D. Pedro II do Brasil.

 

 

Setembro de 1877

10

Melo Gouveia na fazenda

Em 10 de Setembro, Melo Gouveia passa a acumular a fazenda, substituindo aqui Carlos Bento da Silva.

 

 

Procura de empréstimo internacional

O governo tentou contrair um empréstimo internacional de 6 500 000 libras, junto da casa Baring Brothers, em Londres. Mas a imprensa de Londres e Paris levanta suspeitas sobre Portugal, acusado de não pagar os juros ajustados. Daí que o governo apenas tenha conseguido um empréstimo de 3 milhões de libras. Carlos Bento da Silva é forçado a demitir-se.

 

13

Morte de Alexandre Herculano

Morte de Alexandre Herculano em 13 de Setembro de 1877

 

 

Outubro de 1877

21

Fontes regressa a Lisboa

Em 21 de Outubro Fontes regressa a Lisboa, depois de uma longa viagem pela Europa.

 

 

Novembro de 1877

4

Inaugurada a ponte D. Maria Pia

Inaugurada a ponte D. Maria Pia em 4 de Novembro de 1877. Começara a ser construída em 5 de Janeiro de 1875, pela casa Eiffel de Paris

 

Viagens de exploração africana de Serpa Pinto, Capelo e Ivens (partiram para Luanda em 7 de Julho de 1977).

 

Dezembro de 1877

28

Apoio dos progressistas ao governo de Ávila

Em 28 de Dezembro de 1877, os progressistas declaram apoiar incondicionalmente o governo, mas sem se responsabilizarem pelos respectivos actos.

 


© José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência: Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info). Última revisão em: