Respublica     Repertório Português de Ciência Política         Edição electrónica 2004


1643 Arte de Reynar , 1643 ou 1644 Um regimento de príncipes da autoria de António Carvalho de Parada, ainda marcado pelos modelos da escolástica e pelos sonhos universalistas da respublica christiana.  Aí se visiona a existência de uma república ou estado universal do mundo: divide-se esta república e estado universal do mundo em vários reinos, estados e províncias, cada um dos quais se governa  pelos meios que entre si julgam por mais convenientes, e conformes às várias qualidades, com que a natureza os criou, ou a arte os formou,   porque uns são grandes e outros  pequenos, uns ricos e outros pobres, uns marítimos, outros pela terra dentro,  uns pacíficos, outros inclinados a guerras,  e com outras muitas qualidades, segundo os sítios em que estão, de que dependem. ìParada, António Carvalho de.

© José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência: Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info). Última revisão em: