Respublica     Repertório Português de Ciência Política         Edição electrónica 2004

Governo de Loulé

De 4 de Julho de 1860 a 17 de Abril de 1865

 

Promove as eleições de 28 de Abril de 1861 e de 11 de Setembro de 1864.

Morte de D. Pedro V em 11 de Novembro de 1861.

·Presidente começa por acumular o reino (até 21 de Fevereiro de 1862). Loulé esteve ausente de 12 de Setembro a 6 de Outubro de 1862, sendo inerinamente substituído por Sá da Bandeira.

·António José de Ávila soma a fazenda e os estrangeiros (até 21 de Fevereiro de 1862).

·Loulé passará também pelas obras públicas, reino e estrangeiros.

·Belchior José Garcez Penha na guerra

·Carlos Bento da Silva na marinha (até 21 de Fevereiro de 1862)

·Alberto António Morais de Carvalho (1801-1878) nos negócios eclesiásticos e justiça.

·Tiago Augusto Veloso da Horta (1819-1863) nas obras públicas (até 26 de Fevereiro de 1862).

Em 3 de Dezembro de 1860,

·Sá da Bandeira substitui Belchior José Garcez Penha na guerra.

Em 21 de Fevereiro de 1862,

·Anselmo José Braamcamp (1819-1885) substitui Loulé no reino (até 16 de Janeiro de 1864). Bacharel em direito, 1840. Filho de Anselmo José Braamcamp de Almeida Castelo Branco (1791-1841). Maçon. Deputado desde 1851. Ministro do reino de 21 de Fevereiro de 1862 a 16 de Janeiro de 1864. Ministro da fazenda do governo de Loulé, o terceiro governo histórico, de 11 de Agosto de 1869 a 26 de Maio de 1870. Organizou o partido progressista. Subscritor do pacto da Granja. Presidente do ministério de 1 de Junho de 1879 a 25 de Março de 1881 (664 dias), acumulando a pasta dos negócios estrangeiros. Morre em 13 de Novembro de 1885.

·Gaspar Pereira da Silva (1801-1870) substitui Alberto António de Morais Carvalho nos negócios eclesiásticos e justiça.

·Sai António José de Ávila, substituído por Joaquim Tomás de Lobo Ávila na fazenda e por Loulé nos estrangeiros. Lobo de Ávila (1822-1901).

·José da Silva Mendes Leal (1820-1886) substitui Carlos Bento da Silva na marinha (até 12 de Dezembro de 1864).

Em 26 de Fevereiro de 1862:

·Loulé substitui interinamente o capitão Tiago Augusto Veloso da Horta nas obras públicas (de 12 de Setembro a 6 de Outubro de 1862, foi substituído por Lobo de Ávila).

·De 12 de Setembro a 6 de Outubro de 1862, Loulé esteve fora do governo. A presidência foi então assumida por Sá da Bandeira. Nas obras públicas ficou Joaquim Tomás de Lobo Ávila. Loulé foi a Turim. Foi o procurador de D. Luís no casamento deste com D. Maria Pia, filha de Vitor Emanuel, em 27 de Setembro de 1862.

Em 16 de Janeiro de 1864,

·Loulé volta ao reino, substituindo Anselmo José Braamcamp (até 5 de Março de 1865);

·José Gerardo Ferreira Passos substitui Sá da Bandeira na guerra (até 5 de Março de 1865);.

·João Crisóstomo de Abreu e Sousa substitui Loulé nas obras públicas (de 16 de Janeiro de 1864 a 17 de Abril de 1865).

Em 12 de Dezembro de 1864:

·João Crisóstomo de Abreu e Sousa substitui Mendes Leal na marinha, continuando nas obras públicas.

·Mendes Leal pediu a demissão em plena Câmara dos Deputados; logo se seguiria a de Ferreira Passos, a quem estava intimamente ligado

Em 5 de Março de 1865:

·Loulé na marinha, em lugar de João Crisóstomo

·O 3º marquês de Sabugosa, António Maria da Silva César e Meneses, no reino, em lugar de Loulé.

·Sá da Bandeira na guerra, em lugar de Ferreira Passos

·D. António Aires Gouveia (1828-1916) nos negócios eclesiásticos e justiça em lugar de Gaspar Pereira da Silva.

·Matias de Carvalho e Vasconcelos na fazenda, em lugar de Lobo de  Ávila. Vasconcelos (1832-1910)

·Loulé pediu a demissão e Sá da Bandeira chegou a ser encarregado de formar novo governo, mas logo desistiu. Depois de breve remodelação, o governo resistiria apenas até 17 de Abril de 1865.

Em 12 de Setembro de 1865:

·Sá da Bandeira substitui Loulé nos estrangeiros.

Em 6 de Novembro de 1865:

·Loulé volta aos estrangeiros

 

 

 

 


 
© José Adelino Maltez
Todos os direitos reservados.
Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência:
Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info)
Última revisão em: 11-04-2009