Respublica     Repertório Português de Ciência Política         Edição electrónica 2004

Bobbio Norberto (n. 1909-2004)

 

Um dos mais representativos politólogos italianos. De formação jurídica, começa por um estrito neopositivismo. Daí considerar que a ciência política tem de consistir no estudo dos fenómenos e estruturas políticas, conduzido com sistematicidade e com rigor, apoiado num amplo e agudo exame dos factos e exposto com argumentos racionais, especialmente pela aplicação à análise do fenómeno político da metodologia das ciências empíricas. Tem uma efectiva ligação ao marxismo, mas logo o abandona, mantendo-se na crista da onda do pensamento dominante. Apesar destas clássicas posições de esquerda, influenciou a geração portuguesa da nova direita que marcou a enciclopédia Polis, sendo particularmente citado por Jaime Nogueira Pinto e António Marques Bessa. Mais tarde, é invocado por autores socialistas, nomeadamente por Guilherme d’Oliveira Martins.

 

Introduzione alla Filosofia del Diritto

Turim, Giappichelli, 1948

 

Teoria della Scienza Giuridica

Turim, Giappichelli, 1950

 

Politica e Cultura

Turim, Edizioni Einaudi, 1955.

 

«La Teoria della Classe Politica negli Scrittori Democratici in Italia»

In Treves, R., ed., L’Elite Politiche, Bari, Edizioni Laterza, 1961.

 

Saggi sulla Scienza Politica in Italia

Bari, Edizioni Laterza, 1969.

 

«Considerazioni sulla Filosofia Politica»

In Rivista Italiana di Scienza Politica, n.º 1, pp. 367-379, 1971.

 

«Dei Possibili Rapporti tra Filosofia Politica e Scienza Politica»

In Tradizione e Novitá della Filosofia della Politica, Bari, Edizioni Laterza, 1971.

 

Giusnaturalismo e Positivismo Giuridico

Milão, Edizioni di Comunità, 1972.

 

On Mosca and Pareto

Genebra, Éditions Droz, 1972.

 

Pareto e il Sistema Sociale

Florença, Sansoni, 1973.

 

Il Marxismo e lo Stato

Turim, 1976.

 

La Teoria delle Forme di Governo nella Storia del Pensiero Politico

Turim, 1976 [trad. port. A Teoria das Formas de Governo, Brasília, Editora da Universidade de Brasília, 1980].

 

Dicionário de Política

[ed. orig. Turim, UTET, 1976], trad. port., Brasília, Editora Universidade de Brasília, 1986. Com Matteucci, Nicola, Pasquino, Gianfranco, eds.,

 

Societá e Statto nella Filosofia Politica Moderna,

Milão, Il Saggiatore, 1979. Com M. Bovero.

 

Il Problema della Guerra e le Vie della Pace

Bolonha, Edizioni Il Mulino, 1979.

 

Contratto Sociale Oggi

Nápoles, Guida, 1980.

 

«La Democrazia e il Potere Invisibile»

In Rivista Italiana di Scienza Politica, n.º 10, pp. 181-203, 1980.

 

Democrazia, Maggioranza e Minoranze

Bolonha, Edizioni Il Mulino, 1981. Com Claus Offe e S. Lombardini.

 

La Ideologia e il Potere in Crisi

Florença, 1981.

 

Il Futuro della Democrazia

Turim, Edizioni Einaudi, 1984 [trad. port. O Futuro da Democracia, Lisboa, Publicações Dom Quixote, 1988].

 

Crisis de la Democracia

Barcelona, Ediciones Ariel, 1985. Com alii.

 

Liberalismo e Democracia

trad. port., Brasília, Editora da Universidade de Brasília, 1988.

 

Thomas Hobbes and the Natural Law Tradition

Chicago, The University of Chicago Press, 1993.

 

Destra e Sinistra. Ragioni di una Distinzione Politica

Roma, Donzelli, 1994 [trad. port. Direita e Esquerda. Razões e Significados de uma Distinção Política, Lisboa, Editorial Presença, 1995].

 

© José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência: Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info). Última revisão em: 18-01-2004