Respublica     Repertório Português de Ciência Política         Edição electrónica 2004

Barros, Roque Spencer Maciel de

Um dos introdutores do neoliberalismo no Brasil, na década de setenta do século XX. Considera que o liberalismo é uma atitude de vida, pelo que não haverá um liberalismo, mas liberalismos. Uma atitude marcada pela recusa do Estado e pela defesa da privaticidade. Diz-se influenciado por Croce e subscreve a respectiva definição de liberalismo: o direito de errar, o direito de pecar, inalienável no indivíduo.

A Evolução do Pensamento de Pereira Barreto

São Paulo, Grijalbo, 1967.

·Introdução à Filosofia Liberal

São Paulo, Grijalbo, 1971.

·O Fenómeno Totalitário

1990.

·Estudos Liberais

1991.

·Razão e Racionalidade

1993.

 

 




© José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Última revisão em: 18-01-2004