Respublica     Repertório Português de Ciência Política         Edição electrónica 2004

Closets, François (n. 1933)

O relatório francês da Commission "Eficacité de l'État"du Xº Plan, presidida por François de Closets [Paris, Payot, 1989], considera mesmo que "a identidade francesa forjou-se em torno do Estado", no sentido da "permanência do seu aparelho administrativo", para além dos vários regimes. Que ele foi "a ossatura do país" e o "garante da coerência nacional". Para a comissão, "o sistema administrativo dá à pátria as suas fundações enquanto o sistema político não parece senão dar-lhe as suas superestruturas". Salienta mesmo que "ser francês é viver num sistema fiscal particular, é ter que utilizar um certo tipo de ensino para as suas crianças e recorrer a uma justiça específica para fazer valer os seus direitos perante o estado mas que eleger o conselheiro geral no seu cantão, o deputado no seu círculo. Uma parte essencial da identidade francesa está ligada à sua arquitectura administrativa"

 

© José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência: Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info). Última revisão em: 18-01-2004