Respublica     Repertório Português de Ciência Política         Edição electrónica 2004

Ferry, Jules François Camille (1832-1893).

Advogado. Começa por destacar-se como jornalista, principalmente no periódico Le Temps. tornando-se deputado a partir de 1869. Nesse período do Segundo Império, celebriza-se por denunciar o sistema de poder pessoal de Luís Napoleão. Maire de Paris desde 16 de Novembro de 1870. Na Terceira República, volta a ser deputado, a partir de 1871, mas logo passa a embaixador na Grécia em 1872-1873. Alinha na oposição republicana a MacMahon. Assume o anticlericalismo e o positivismo, iniciando-se na maçonaria em 1875, juntamente com Littré. Ministro da instrução pública desde 1879. Presidente do conselho francês de 1880 a 1885, é responsável pela criação do sistema francês de ensino público, lutando contra o ensino das congregações religiosas e estabelecendo uma escola primária laica. É por sua iniciativa que surge a lei de 1882 o ensino primário torna-se gratuito e laico, não sem antes terem sido expulsos os jesuítas, em 1880. Em discurso proferido em 1884, considera que o governo deve ser o superintendente da previdência social e o tutor dos infelizes que não têm quem os defenda. Defende o estabelecimento de um império colonial francês como compensação face à derrota de 1871. Cabe-lhe a intervenção na Tunísia, o ançamento do Congo francês, o estabelecimento em Madagascar e o começo da expedição do Tonkim. Considera que a política colonia é filha da política industrial, com objectivos humanitários. Num discurso de 31 de Janeiro de 1884, justifica o futuro Estado Providência, quando proclama que o governo deve ser o superintendente da previdência social e o tutor dos infelizes que não têm quem os defenda.

· Le Tonkin et la Mère Patrie. Témoignages et Documents

Paris, Havard, 1890.

· La République des Citoyens

Paris, Imprimerie National, 1996, 2 vols. Recolha de discursos.

· Jules Ferry et l’École

Paris, Societé Commerciale et Industrielle de Presse, 1984.

© José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência: Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info). Última revisão em: 11-02-2009