Epicuro (341-271 a.C.) Filósofo grego. Inspira a obra de Lucrécio De Natura Rerum e está próximo de Demócrito. Considera o prazer como bem supremo dos homens, mas seguiu uma vida marcada pela sobriedade, temperança e simplicidade. Por má interpretação, passou a designar-se como epicurista, aquele que cultiva os prazers de forma voluptuosa.

 

Epigénese (Epigenesis) Teoria segundo a qual, na evolução individual de um animal proveniente de um ovo, os órgãos nascem por uma formação nova. Amitai Etzioni, contrariando as teses funcionalistas da diferenciação, segundo as quais as estruturas sociais mudam pela cisão, especializando-se crescentemente para o cumprimento de funções cada vez mais precisas, considera que as mesmas estruturas sociais podem evoluir pela unificação, acrescentando a si mesmas novas estruturas para cumprimento de novas funções, estruturas novas essas que nem sequer podem existir em germe no contexto histórico precedente. No desenvolvimento estadual, funções inteiramente novas como a diplomacia e a fiscalidade, contribuíram para esse acrescentamento. O Estado corresponde assim a uma criação e a não a uma cessão de poder.

 

Episteme O verdadeiro conhecimento, diferente da opinião. O conhecimento das causas que são necessariamente verdadeiras. Mistura de ciência e de saber, pelo que difere das chamadas ciências empíricas. Um um esforço racional para substituir a opinião, doxa, o conhecimento acerca do contingente. Divide-se em  praxis, technè, e theoria. A epistemologia é assim o estudo crítico dos princípios, das hipótes e dos resultados das várias ciências, visando determinar-se a sua origem lógica, o seu valor e a dua dimensão objectiva, segundo a perspectiva de Lalande.

 

Epoca dello Stato Gentile, em 1929, define o advento do fascismo como a chegada da epoca dello Stato.

 

Epstein, Leon D., Political Parties in Western Democracies, Londres, Pall Mall Press, 1967.

 

Epstein, Richard A., Bargaining with the State, Princeton, Princeton University Press, 1995.